A contribuição catarinense para a redução de gases de efeito estufa: Lei do Biogás

  • Francisco Gelinski Neto
  • Carmen Gelinski UFSC
  • Eduardo Gelinski Júnior
Palavras-chave: biogás, Lei do biogás, biodigestores

Resumo

Os eventos climáticos extremos têm sido cada vez mais frequentes. Cientistas acreditam que o aquecimento global está intimamente ligado ao aumento das emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE). Entre os GEE mais prejudiciais está o dióxido de carbono oriundo de atividades humanas como a produção industrial ou agrícola, a urbanização ou a queima de hidrocarbonetos. Este trabalho trata de uma das fontes de GEE na agropecuária, os efluentes gerados na criação de suínos, tendo como pano de fundo a nova Lei do Biogás em Santa Catarina, aprovada em 2018. Essa Lei promete estimular o tratamento anaeróbico de resíduos rurais e urbanos (biomassa) em Santa Catarina. O objetivo é levantar o uso de biodigestores em três municípios de Santa Catarina (Concórdia, Seara e Braço do Norte), líderes na produção de suínos.  Especificamente busca-se: i) verificar se a política de estímulo ao biogás já está sendo implementada no caso da suinocultura; ii) constatar se nessas regiões há novos projetos para utilização de biodigestores; iii) verificar junto às autoridades estaduais a existência de programa específico para fomento de produção e uso do biogás. O estudo verificou que não há política explicita de estímulo ao uso de biodigestores e produção de biogás nos municípios avaliados.

Referências

ACCS busca parceria alemã para usinas de biogás. 4 mar. 2019. Disponível em:
http://www.accs.org.br/arquivos_internos/index.php?abrir=noticias&acao=conteudo&id=4640 Acesso 12/03/2019.

CHIARETTI, D. Maior assembleia ambiental do mundo começa em luto por acidente aéreo. Valor Econômico. São Paulo, 9 mar. 2019. Cad. A, p.7.

DUDEK, Patricia Mazzioni Apesar de ser uma alternativa para a produção de energia limpa, o alto custo de implantação do sistema inviabiliza a produção de biogás . UNOCHAPECÓ, Chapecó, 2013. Disponível em: https://www.unochapeco.edu.br/static/files/premio-jornalismo-ambiental/biodigestores.pdf. . Acesso em 02/03/2017

DAL MAGO, Anigeli. Avaliação de biodigestores com o uso de dejetos de suínos, em braço do norte e em concórdia. Universidade Federal de Santa Catarina – Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental. Dissertação de Mestrado Florianópolis/ SC. 2009.

EPAGRI. Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina. Síntese Anual da Agricultura de Santa Catarina 2016-2017. Florianópolis. S.D. Disponível em http://docweb.epagri.sc.gov.br/website_cepa/publicacoes/Sintese-Anual-da-Agricultura-SC_2016_17.pdf . Acesso em 11/03/2019.

EPE. Plano Nacional de Energia 2050. Nota Técnica PR 04/18 Potencial dos Recursos Energéticos no Horizonte 2050. EPE - Empresa de Pesquisa Energética/Ministério de Minas e Energia. Rio de Janeiro, Setembro de 2018. Disponível em http://www.epe.gov.br/pt/publicacoes-dados-abertos/publicacoes/Plano-Nacional-de-Energia-2050 Acesso em 1/03/2019.

FAO. Superação da fome e da pobreza rural: iniciativas brasileiras. Brasília, 2016.

FORNECK, E.; KLUG, J. Impactos sócio ambientais da suinocultura no oeste catarinense: do visível ao invisível. XXVII Simpósio Nacional de História. Anais... UFSC. Florianópolis. 27 jul.2015

GELINSKI NETO, Francisco; GELINSKI JUNIOR, Eduardo; ROGOSKI, Nédio Rogério. Biodigestores na suinocultura catarinense: relato de experiências de implantação. 55º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (SOBER). Anais... 30 de julho a 03 de agosto de 2017. Universidade Federal de Santa Maria, em Santa Maria - RS

GIEHL, Alexandre Luís. Carne Suína. Síntese Anual da Agricultura de Santa Catarina 2016/2017. EPAGRI/CEPA. Florianópolis, 2017.

GERBER, P. J. et al. Tackling climate change through livestock: a global assessment of emissions and mitigation opportunities. Rome: FAO, 2013.

GURGEL, A. C.; LAUREZANA, R.D. Desafios e oportunidades da agricultura de baixo carbono. In. VIEIRA FILHO, J.E.R; GASQUES, J.G.(orgs.). Agricultura, transformação produtiva e sustentabilidade. Brasília: Ipea/Abag, 2016.

KUNZ, A. Tratamento de dejetos: desafios da suinocultura tecnificada. Disponível em: http://www.suinoculturaindustrial.com.br. Acesso 01/03/2019

KLOCK FILHO, L. P.; BARICHELLO, R.. Papel das Lideranças do Oeste de SC na disseminação dos Projetos de Energia Renováveis: caso do Biogás.(Dissertação) Universidade Comunitária da Região de Chapecó – UNOCHAPECÓ, 2014

KUNZ, A; HIGARASHI, M.M.; OLIVEIRA, P.A. Tecnologias de manejo e tratamento
de dejetos de suínos estudadas no Brasil. Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v. 22, n. 3, p. 651-665, set./dez. 2005. Disponível em http://www.conhecer.org.br/download/PRODUCAO%20ANIMAL%20X%20IMPACTO%20AMBIENTAL/leitura%20anexa%206.pdf. Acesso 8 março 2019.

MAIA, Alexandre Gori; ROMEIRO, A. R.; JUSTO, M. C. D. de M. Custo-efetividade de tratamentos de dejetos de suínos no Oeste Catarinense. In: TÔSTO, S.G. et alii.Valoração de serviços ecossistêmicos: metodologia e estudos de caso. EMBRAPA/ Brasília: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2015.

PALHARES, J.C. P. Biodigestão anaeróbia de dejetos de suínos: aprendendo com o passado para entender o presente e garantir o futuro. 15/01/2008.
https://www.agrolink.com.br/colunistas/coluna/biodigestao-anaerobia-de-dejetos-de-suinos--aprendendo-com-o-passado-para-entender-o-presente-e-garantir-o-futuro_385188.html Acesso 01/03/2019.

¬¬¬¬_____________. Legislação ambiental e produção de suínos: as experiências internacionais. Revista Suinocultura Industrial. Ano 31, ed. 220. 20 abr. 2016.
Disponível em: https://www.suinoculturaindustrial.com.br/imprensa/legislacao-ambiental-e-producao-de-suinos-as-experiencias-internacionais/20090403-101809-3535
Acesso 8 mar. 2019.

POLITO, R. Capitale investirá R$ 500 milhões em biogás até 2021. Valor Econômico. São Paulo, 12 mar. 2019. Cad. B, p.2.

ROSS, C.C.; DRAKE, T.J.; WALSH, J.L. Handbook of biogas utilization. 20 ed. Atlanta: USDE, 1996.

SAVIOTTI, Bruno et alii. Suinocultura de baixa emissão de carbono: tecnologias de produção mais limpa e aproveitamento econômico dos resíduos da produção de suínos. Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento/IICA/EMBRAPA. Brasília. 2016. Disponível em: http://www.iicabr.iica.org.br/wp-content/uploads/2016/01/Suinocultura-de-baixa-emiss%C3%A3o-de-carbono-cartilha-MAPA-IICA-Brasil.pdf. Acesso em 07/03/2017.

SILVA, C. L.; BASSI, N.S.S. Análise dos impactos ambientais no Oeste Catarinense e das tecnologias desenvolvidas pela Embrapa Suínos e Aves. VI Encontro Nacional da ANPPAS. Anais... Belém- Pará; 18 a 21 de setembro de 2012.

Zago, S. Potencialidades de produção de energia através do biogás integrada à melhoria ambiental em propriedades rurais com criação intensiva de animais, na região do Meio Oeste Catarinense. Dissertação de mestrado. Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências tecnológicas, Blumenau, SC, 2003.

ZANELLA, M.G. Ambiente institucional e políticas públicas para o biogás proveniente da suinocultura. Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Centro de Engenharias e Ciências Exatas. Pós-graduação em Bioenergia. Mestrado. Toledo/PR, Mar. 2012.
Publicado
2020-08-25